Usuária:MariannaTeixeira

De EmBreveAqui
Ir para: navegação, pesquisa

Discussoes sobre Saskia Sassen

Atualmente a cidade constitui um nucleo muito mais complexo e dinamico, perante a tantas inovacoes e questoes socio-politicas, que, meramente, a antiga ideia de cidade como local de permanencia cabe mais.

A arquitetura macica e capitalista nao consegue atender a real demanda que uma cidade necessita ter, em termos sociais.

Espacos subutilizados sao memorias que se abrigam na interioridade da cidade e nao fazem parte do nucleo capitalista da cidade em crescimento. Podem esses espacos serem vistos pelo imaginario social como um local de esperanca, ou ate mesmo de revival, e nao devem ser contaminados com as praticas do capitalismo de ocupacao impensada.

Pode-se usar a arquitetura como elemento nao de producao fisica capitalista, mas como uma producao artistica, para se obter mais do que se teria caso a perspectiva do arquiteto como concessor de um novo elemento urbano.

O movimento ou o dinamismo com o qual os edificios e espacos se conformam na cidade tambem sao um influenciador para o dinamismo social, dessa forma, o dinamismo geral da cidade deve permitir uma permeabilidade, uma boa circulacao, e nao um aprisionamento do individuo ao meio a tantos blocos impessoais.

O ponto é manter o arquiteto como aquele que vai conceber espacos, mas mais do que isso, ele terá que ser um artista para com esses espacos, incentivar manifestacoes artisticas de rua, ou similares, de maneira a posicionar em pontos estratégicos infra-estruturais, e desfazer o silencio dos espacos subutilizados, fazendo-os familiares para os usuarios e circundantes.